Share on facebook
Share on Facebook
Share on twitter
Share on Twitter
Share on linkedin
Share on LinkedIn
Share on pinterest
Share on Pinterest
Share on whatsapp
WhatsApp

The Racing Factory quer manter-se na luta pelo título Nacional

  • Armindo Araújo com objetivos claros de regressar às vitórias
  • Pedro Almeida pela primeira vez em terra com o 208 Rally 4
  • Rafael Botelho estreia-se solo continental com a The Racing Factory

A The Racing Factory marcará presença no Rali Terras d’Aboboreira, sexta ronda do Campeonato de Portugal de Ralis, que se disputa no próximo fim-de-semana em Amarante, Marco de Canavezes e Baião. Nesta prova a equipa volta a contar com Armindo Araújo (Škoda Fabia Rally2) candidato ao título absoluto no CPR, bem como Pedro Almeida (Peugeot 208 Rally4), que estreia a viatura da marca francesa em pisos de terra e ainda o açoriano Rafael Botelho, que se junta à equipa para uma aventura em solo continental no seu Škoda Fabia R5.

O Team Manager da equipa, Justino Reis, mostra-se confiante para a prova. “O Rali Terras d’Aboboreira marca o regresso pontual aos pisos de terra, onde começámos bem o ano, com a vitória do Armindo Araújo no Rallye Serras de Fafe. Isso deixa-nos naturalmente confiantes e motivados para uma prova onde veremos pela primeira vez o Peugeot 208 Rally 4 em terra, pelas mãos do Pedro Almeida e ainda a presença do Rafael Botelho em Škoda Fabia R5. Mais um desafio para toda a equipa The Racing Factory, para o qual nos preparámos da melhor forma e contamos estar à altura”, explicou.

Para Armindo Araújo, o regresso às vitórias no Campeonato de Portugal de Ralis é o grande objetivo no Rally Terras d’Aboboreira: “O Campeonato entra na sua fase decisiva e o resultado desta prova terá grande influência no desfecho da classificação final. O nosso grande objetivo é voltar a conquistar o título absoluto e tudo para faremos para o conseguir.”

Já para Pedro Almeida, que no passado fim-de-semana disputou, em Espanha, o Rally Princesa das Astúrias a contar para a Peugeot Rally Cup Iberica, este é mais um desafio na temporada, com a estreia do Peugeot 208 Rally 4 em pisos de terra: “Tanto eu como o Hugo gostamos muito do traçado deste Rali. A primeira e curta experiência do 208 Rally4 em terra, no teste que fizemos esta quarta-feira, foi positiva e, por isso, procuraremos encontrar um bom setup para o Rali e andar a bom ritmo. Queremos ser competitivos e tomar referências do carro que nos sejam também importantes para o futuro”, explicou o piloto.

Por seu lado, Rafael Botelho realiza um sonho nesta sexta ronda do Campeonato de Portugal de Ralis. “Participar nesta prova é o cumprir de um sonho em termos desportivos, uma vez que este rali marca a minha estreia em provas realizadas em provas disputadas em solo continental. Estou muito motivado, apesar de não ter conhecimento deste rali e de ter pouca experiência neste Škoda Fabia R5. Por isso, o principal objetivo é divertir-me e aproveitar esta experiência ao máximo, aproveitando cada quilómetro para evoluir, confiando no bom trabalho que temos vindo a realizar em conjunto com a The Racing Factory e tirar partido de toda esta experiência para eventos futuros”, destacou.

A prova contará com mais de 330km de extensão total, dos quais cerca de 100,38km são cronometrados. A primeira contagem decrescente do cronómetro ocorrerá pelas 14h40 da próxima sexta-feira, com uma dupla passagem prevista pelo troço de Aboboreira (16,00km). Já para sábado estão agendadas duas especiais, também elas repetidas duas vezes, por Amarante Natureza Criativa (23,67km) e Baião Vida Natural (10,52km).

Share on facebook
Share on Facebook
Share on twitter
Share on Twitter
Share on linkedin
Share on LinkedIn
Share on pinterest
Share on Pinterest
Share on whatsapp
WhatsApp