Share on facebook
Share on Facebook
Share on twitter
Share on Twitter
Share on linkedin
Share on Linkedin
Share on pinterest
Share on Pinterest
Share on whatsapp
WhatsApp

The Racing Factory sem sorte em fim-de-semana de feelings mistos

A The Racing Factory esteve, este fim-de-semana, em três frentes (Campeonato Portugal de Ralis, Campeonato dos Açores de Ralis e Clio Trophy Spain) de onde sai com um misto de sentimentos. Se por um lado as vitórias de Diogo Gago no derradeiro rali pontuável para a competição monomarca espanhola e o pódio de Rafael Botelho no CAR são notícias positivas para a equipa, os infortúnios de Armindo Araújo e Ernesto Cunha no Rali de Mortágua, são notícias menos boas para a estrutura de Santa Maria da Feira, que partia para este fim-de-semana com objetivos bem delineados.

As corridas são mesmo assim e, por vezes, mesmo quando a possibilidade da conquista de títulos de Campeão Nacional está próxima (Absoluto e 2RM), a sorte não está com quem tudo fez para os alcançar.  “Foi um fim-de-semana de muitas emoções como previsto, mas onde as coisas acabaram por não nos correr bem em termos de Campeonato Nacional. Apesar do empenho de toda a equipa humana da The Racing Factory, não foi possível a conquista dos grandes objetivos no Rali de Mortágua. As corridas são mesmo assim e só temos de estar satisfeitos pelo incrível desempenho dos nossos pilotos ao longo de toda a temporada” , explicou Justino Reis, antes de parabenizar as prestações de Diogo Gago e Rafael Botelho: “Num fim-de-semana tão intenso, há que dar destaque às excelentes prestações dos jovens Diogo Gago e Rafael Botelho nos seus respetivos campeonatos, onde a equipa esteve também presente, mobilizando todo o contingente disponível e onde ficou demonstrado que, na The Racing Factory, se ganha e perde, sempre, em equipa!”

Para o CEO da The Racing Factory, Aloísio Monteiro, a satisfação pré-prova mantém-se apesar dos resultados em Mortágua: “Disse antes da prova iniciar que não havia dúvidas que a nossa equipa/estrutura estava já de parabéns. Chegámos à fase de decisões e, desta vez, não ganhámos. As corridas são mesmo assim. O mais importante é estarmos de consciência tranquila face ao trabalho interno que foi desenvolvido não só para este Rali de Mortágua, mas para todas as competições e provas onde participámos ao longo do ano. Os pilotos estão de parabéns por tudo o que fizeram em 2021 e toda a equipa de trabalho está de parabéns pelo excelente desempenho. Esta temporada ainda não terminou para a The Racing Factory e ainda há títulos e ralis para conquistar!”, destacou.

A The Racing Factory aproveita este momento para dar os parabéns aos novos Campeões Nacionais Absolutos, Ricardo Teodósio e José Teixeira, bem como à dupla Carlos Fernandes – Valter Cardoso que triunfou no CPR 2RM. Uma palavra também para a ARC Sport pelo triunfo por Equipas.

Share on facebook
Share on Facebook
Share on twitter
Share on Twitter
Share on linkedin
Share on Linkedin
Share on pinterest
Share on Pinterest
Share on whatsapp
WhatsApp

SOCIAL MEDIA WALL